Inspired by Chapecoense, Anderson Talisca announces club foundation in Bahia

Player realizes dream and states: "Our goal is to reveal athletes"

Inspirado na Chapecoense, Anderson Talisca anuncia fundação de clube na Bahia

O futebol baiano vai ganhar um novo clube em 2017: Esporte Clube Olímpia. O time é uma iniciativa do meia Anderson Talisca, de apenas 22 anos, atualmente jogador do Besiktas (TUR). Se preparando para exercer a função de presidente, ele destaca que o objetivo é revelar atletas ao futebol mundial. “Muitos talentos se perdem por falta de oportunidade. Temos a pretensão de formar atletas e cidadãos. Em breve, teremos bons frutos, se Deus quiser. Vamos trabalhar muito”, explica.

De acordo com Talisca, a organização é o que vai marcar a gestão do clube. “Estamos nos inspirando na Chapecoense, que começou e cresceu aos poucos, com muito profissionalismo e organização dentro e fora de campo. Nosso objetivo é fazer um trabalho tão sério e sólido quanto a Chape”.

Sobre a falta de experiência em gestão, o baiano garante que a experiência no futebol europeu deu a ele uma noção significativa do que deve ser feito ou não num clube de futebol. “Além disso, estou estudando muito, fazendo muitos cursos para me capacitar em todos os sentidos e também estou cercado de pessoas altamente competentes, profissionais e de extrema confiança. Estamos certos de que tudo o que foi feito até agora e ainda será realizado vai nos render bons frutos”, diz confiante.

O homem de confiança

No primeiro ano de trabalho, o Olímpia irá disputar apenas competições de base nas categorias sub-15 e sub-17. O time ainda será montado a partir de janeiro de 2017 após uma sequência de avaliações técnicas realizadas na capital baiana. Todo esse trabalho será comandado por Ivan Conceição, ex-olheiro de times como Bahia e Vitória/BA.

Ivan Conceição é o diretor de futebol do EC Olímpia

“Tenho muita confiança no Ivan. É um cara sério, honesto, trabalhador e muito competente naquilo que é o nosso objetivo principal: a identificação e formação de atletas. É o meu homem de confiança no clube”, garante Talisca, antes de lembrar que o diretor rejeitou, recentemente, uma proposta do Fluminense/RJ para ser o olheiro responsável pela captação de atletas na região Nordeste.

Ivan Conceição tem, no entanto, uma missão maior do que formar os times das categorias infantil e juvenil. O time profissional, que será majoritariamente formado por atletas sub-23, também está sendo montado.

“Temos uma base de atletas e, no dia nove de janeiro, vamos apresentar o grupo que iniciará os trabalhos físicos, técnicos e táticos. Mas esse time profissional, em 2017, disputará apenas competições amadoras. Nosso objetivo é que seja um ano de experiências, análises e preparo. Para que em 2018, pensemos em inscrever o clube em competições organizadas pela Federação Baiana de Futebol”, explica o diretor.

Planejamento e financeiro

De acordo com Anderson Talisca, serão investidos cerca de R$ 50 mil na temporada 2017. Diferente do elenco profissional, a ideia é que as categorias de base disputem algumas das principais competições do nordeste: Copa Carpina, em Pernambuco; Copa 2 de Julho, Copa Metropolitana e Salvador Cup, na Bahia; e a Supercopa Natal, no Rio Grande do Norte.

Estrutura

O Esporte Clube Olímpia terá como centro de treinamentos o Vilas Tênis Clube, em Villas do Atlântico, Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador. O time também já tem um alojamento com oito quartos, com beliches e tv por assinatura, cozinheira e escritório administrativo.

“O presidente Anderson tem valorizado bastante a estrutura de trabalho. Vamos começar nossas atividades com materiais esportivos de primeira qualidade, com uma equipe de observadores, preparadores físicos, massagistas e médicos muito bons”, detalha Conceição.

FICHA TÉCNICA

Nome: Esporte Clube Olímpia

Fundação: 01 de Junho de 2016

Mascote: Águia

Cores: Azul, preto e branco

Presidente: Anderson Souza Conceição – Anderson Talisca

Cidade: Lauro de Freitas/BA

Centro de Treinamento: Vilas Tênis Clube